5 Dicas Para Arrebentar em Entrevistas de Emprego!

Young man have job interview.

Em períodos de crise é comum encontrarmos indivíduos em busca de recolocação profissional. As empresas optam por desligamentos na hora de reduzir custos e os trabalhadores acabam pagando o preço.

Pensando nisso, hoje fizemos um artigo especialmente para quem está nesse difícil momento profissional. Queremos ajudá-lo a responder à clássica pergunta: como ir bem em entrevistas de emprego?

Questão de Estratégia

Exceto nos casos de indicações desleais, conseguir um novo emprego depende de diversos fatores. Além de ter as qualificações adequadas e o perfil aderente à vaga, é necessário convencer pessoas pouco conhecidas de que você é capaz de atender às necessidades delas.

Seguem algumas atitudes que podem contar a seu favor na hora de passar pelos entrevistadores:

  1. Domine o Relevante: na maioria dos casos você será solicitado a realizar uma pequena apresentação pessoal. Itens como histórico profissional e familiar, formação acadêmica, hobbies e atividades extracurriculares devem estar na ponta da língua. Evite improvisos para não correr o risco de se embolar.
  2. Pense nas Respostas Para as Perguntas de Praxe: muitas perguntas são recorrentes em um processo de seleção. Deixar para elaborar as respostas apenas na hora é um mau negócio, uma vez que você sabe a maioria delas com antecedência. Seguem alguns exemplos clássicos:
  • 18v28t47c1f9ljpgQuais seus objetivos de curto, médio e longo prazo?
  • Quais seus diferenciais?
  • Quais suas forças e fraquezas?
  • O que te motiva?
  • Por que você quer trabalhar em nossa empresa?
  • Cite um sucesso e um fracasso.
  1. Capriche na Aparência e no Linguajar: entrevista é coisa muito séria. Você está lá para impressionar pessoas utilizando, na maior parte dos casos, poucos minutos. Isso significa que tudo conta. Vista-se de maneira alinhada com o perfil da empresa e risque gírias e palavrões do vocabulário.
  2. Conheça a Empresa: pesquise tudo o que há disponível: área de atuação, valores, história, vídeos institucionais… muitas organizações cobram essa postura do candidato e essa estratégia o municiará de informações que podem se mostrar valiosas ao longo do processo.
  3. Crie Vínculos: você pode ter o melhor currículo do mundo, mas se não demostrar valor para a empresa, dificilmente será contratado. É preciso desenvolver uma relação entre o que é desejado e o que você tem a oferecer. Destaque experiências e habilidades que sejam compatíveis com o cargo almejado e valores que se associem com a Organização (o item anterior irá ajudá-lo nisso). Leve a sério a pergunta: por que devemos contratar você?

Brilhe na Multidão

Job applicants having interview

Coloque-se no papel de um recrutador: mercado em crise, demissões em massa, grande quantidade de mão de obra disponível, enxurrada diária de currículos. Como selecionar o candidato certo no meio de tantas opções aparentemente adequadas?

As dicas acima representam o mínimo a ser feito. Elas não são mais do que obrigação para quem quer um novo emprego. O verdadeiro diferencial deve ser construído individualmente.

Como chamar atenção em meio aos outros milhares de candidatos disputando a mesma posição? Dedique-se exaustivamente a responder essa pergunta. Trata-se de uma tarefa difícil, mas aí cabe a você decidir o quanto deseja sua recolocação. 

Leave a Reply