Star Trek e as Crenças Fortalecedoras

Star Trek é uma das franquias de maior sucesso de todos os tempos. Entre séries, filmes e jogos, conquistou fãs no mundo todo e atravessou gerações com importantes lições, principalmente sobre amizade e liderança. Poucas pessoas não reconheceriam Spock e sua saudação vulcana, semelhante a um V.

timeline-tos-cast

Um aprendizado pessoal que adquiri com a série a alguns anos e que ficou fortemente marcado em minha memória foi a ideia das crenças fortalecedoras.

Kobayashi Maru

Em Star Trek a Kobayashi Maru é uma nave de simulação utilizada para treinamento de capitães. O curioso é que a atividade possui um “cenário sem vitória”, utilizado para colocar os aspirantes à prova. Todos são expostos à derrota, até a chegada de James T. Kirk, vulgo Capitão Kirk.

Embora a situação seja fictícia, uma justificativa poderosa é dada para que ele tenha conseguido vencer um cenário que não apresentava possibilidade de vitória: Ele alterou as condições do teste, ou seja, mudou as regras do jogo. Ele simplesmente não acreditava na derrota e assim envolveu sua equipe no processo até encontrar uma solução.

As Kobayashi Maru’s da Vida Real

Mesmo que este não seja um exemplo real, todos conhecemos histórias de pessoas que realizaram feitos considerados incríveis, solucionaram problemas insolúveis e sobreviveram a condições extremas. É fato que isso só é possível por meio de uma convicção irrestrita na capacidade de alcance do feito.

Cumprir o “impossível” exige dedicação obsessiva, obstinação e criatividade para modelar soluções não convencionais e vencer a alta probabilidade de fracasso. Como alguém seria capaz de fazer isso em um estado de dúvida? Não seria. É daí que nascem as crenças fortalecedoras.

Elas te apoiam quando ninguém mais o faz, mantém sua fé em si mesmo e naquilo que pode realizar e fazem-no enxergar o que os outros não enxergam. Elas penetram até seus ossos e se tornam o suporte diante das barreiras e limitações da vida.

Capitão Kirk, um Coach no Espaço

O feito de James T. Kirk é uma representação de um fato imutável: vencer ou ser vencido são processos que se iniciam no ambiente interno do indivíduo. Se sua crença for no fracasso, até realizações simplórias se agigantarão, mas se ela for no sucesso, mesmo o impensável pode ser feito.

Não perca seu tempo se dedicando àquilo em que não crê e nunca desista quando tiver a convicção de que pode ser realizado, mesmo quando outros não tiverem. Vença suas batalhas primeiro em sua mente e então parta para a ação com plena confiança em suas capacidades.

Spock_performing_Vulcan_salute

Vida longa e próspera, meus caros amigos!

Leave a Reply