Princípios de PNL: A Reestruturação de Fatos Negativos

Anteriormente discutimos os significados que você atribui aos fatos que ocorrem em sua vida (Confira aqui). No entanto, realizar a mudança desses significados na prática nem sempre é uma tarefa simples.

Na PNL – Programação Neurolinguística – existe uma ferramenta de grande utilidade nesse processo: a reestruturação.

Por Que Reestruturar?

A reestruturação é uma técnica que tem como base a seguinte premissa: nenhum fato possui significado intrínseco, tudo é uma questão de perspectiva. A ideia é enxergar determinado acontecimento, que a princípio é desgastante, por um viés que o torne proveitoso. Daí você se pergunta: porque eu faria isso?

gene-in-the-rainPara situações nas quais sua única opção é conviver com o fato, não seria melhor aprender com ele e tirar algum proveito, ao invés de sofrer e se lamuriar? Além disso, assumir uma perspectiva positiva faz com que seu cérebro lhe conceda mais recursos para lidar com qualquer problema.

São poucos os fatos da vida dos quais você não pode extrair nada de bom e mesmo nos casos em que é difícil pensar positivo, a reestruturação pode ajudá-lo a, no mínimo, zerar o mal que uma circunstância lhe traz.

Exemplos Práticos de Reestruturação

Vejamos alguns casos em que a reestruturação de um fato é proveitosa:

  1. Encare um problema como um desafio. Se você gastar seu tempo pensando em como seus problemas são ruins, perderá o ânimo. Se encará-los como um desafio a ser melhor, se empenhará mais. Pense por exemplo em como será bom lembrar desses problemas quando já tiver sucesso, em como a superação deles será motivo de orgulho.
  2. Você foi demitido e está perdido? Será que isso não é, na verdade, a grande chance que você esperou para começar o empreendimento dos seus sonhos? Ou de tentar mudar de profissão para algo que goste mais?
  3. Por mais que um enterro seja algo triste, já pensou em encarar o aprendizado que ele traz? Pense bem, você trataria mal seus familiares após ver a tristeza da família do defunto? Dirigiria em alta velocidade logo após ver alguém que morreu no trânsito? Isso não trará a pessoa de volta, mas fará com que sua morte não tenha sido em vão, trazendo mais significado à cerimônia de despedida.
  4. Seu filho fala demais? Não lhe dá sossego? Talvez você esteja olhando da perspectiva errada… pode ser que ele, na verdade, seja um comunicador nato, que um dia se tornará um grande publicitário ou apresentador de TV e tudo que você precisa fazer é incentivá-lo e canalizar as habilidades dele, ao invés de reprimi-lo!

Perspective_Blog_Post_Photo-1Esses são alguns exemplos que mostram como quase tudo pode ter 2 ou mais perspectivas. Reestruturar é a arte de encontrar o caminho que lhe traga mais proveito em qualquer fato. Sendo assim, sempre se faça a seguinte pergunta sobre qualquer situação negativa:

Apesar de todo o sofrimento, o que essa situação me trouxe de positivo? Qual o aprendizado ou benefício?

Quando Reestruturar Não é Válido

A única situação em que a reestruturação não é válida, é para ser utilizada como um instrumento de acomodação. Quando mudanças mais efetivas forem necessárias e você tiver caminhos ativos de atuação, não hesite! Se você está em um trabalho que te desgasta e afeta sua saúde, por exemplo, por que insistir? De acordo com suas possibilidades, procure outro.

A ideia é extrair o que há de positivo em fatos e circunstâncias que nos enfraquecem e que, a princípio, não podem ser mudados. Isso deve então nos fortalecer frente a condições que nos deixam infelizes, fazer-nos enxergar o lado bom e usá-lo em nosso proveito! Naturalmente essa dinâmica tornará a situação mais suportável ou lhe fortalecerá frente à rota de ação que deverá ser tomada! Como diria Michael Jordan:

“Sempre transforme uma situação negativa em uma situação positiva.”

Leave a Reply