As Lições de Um Patinho Feio

Uma das coisas que o Coaching ensina é a extrair lições de tudo o que acontece ao nosso redor. É um processo tão natural que os fatos mais simples passam a ser carregados de significado. Um bom exemplo são os contos infantis. Eles possuem lições essenciais que vão muito além de histórias para crianças. Um dos que mais pode trazer ensinamentos é “O Patinho Feio”.

Uma Questão de Ponto de Vista

Para quem não está familiarizado com a história, trata-se do conto de um “patinho”, que na verdade é um filhote de cisne, que é chocado no ninho de uma pata. Sua aparência distinta faz com que ele seja hostilizado e sofra diversas humilhações, até não aguentar mais e fugir do ninho em que nasceu.

Após uma longa jornada, que testa ainda mais a resiliência do pobre filhote, ele chega até um lago no qual se junta a um bando de cisnes e encontra sua real natureza. Todos o julgavam feio por avaliarem-no como pato, quando na verdade ele era um belíssimo cisne.

Você Está no Ninho Certo?

Algumas lições importantes podem ser extraídas do conto do patinho:

Não tome suas decisões apenas com base na pressão social: essa é uma falha que acontece principalmente no campo profissional. As pessoas procuram o que parece mais lucrativo ou de maior status e passam anos de suas vidas enforcadas por um emprego que não faz sentido nenhum para elas. São indivíduos que insistem em tentarem ser patos em um lugar, quando na verdade são cisnes e pertencem a outro.

Não despreze suas características e traços pessoais: Toda característica e habilidade humana tem valor se for aplicada de forma adequada. Extroversão no meio profissional pode ser desastrosa para um juiz e excelente para um publicitário. Seja o que te faz feliz, encontre o melhor caminho para você e aprenda a empenhar cada característica no momento e no lugar certo. Nada de tentar esconder-se pelo que te faz diferente.

Não tente ser o que você não é: ter flexibilidade é essencial, mas existe uma questão: quando a adaptação é válida? Ninguém muda para regredir, para negar sua natureza. A mudança deve necessariamente ser acompanhada de autoafirmação e evolução. Se você tentar ser o que os outros são, apenas porque está no meio deles, pode acabar tão humilhado quanto o patinho.

Não desista de encontrar o seu lugar: todos temos nosso lugar no mundo e não devemos desistir dele. Isso significa nunca nos acomodarmos com o que nos faz infelizes e buscar o nosso “bando de cisnes” a todo custo.

Encontrando Sua Real Natureza

Swan-29Estar no contexto errado, basicamente, significa insistir em ser e fazer coisas que não são aderentes aos seus gostos, habilidades e valores. Não caia nessa armadilha, mesmo que seja para agradar alguém. Se não há felicidade em sua forma de viver, reveja tudo, até que identifique o que dá valor à sua existência.

Você não deve quebrar regras, abandonar as pessoas com quem convive ou ser antiético. Você precisa criar um contexto que lhe seja aprazível. Talvez não seja nem o caso de mudar seus ambientes de convívio, apenas de encontrar as tratativas que lhe permitam ser quem você é, em harmonia com quem o rodeia.

Leave a Reply